Rui Milbradt renuncia ao mantado

por André Brum da Silva publicado 22/07/2020 08h15, última modificação 22/07/2020 08h27
A renúncia foi apresenta segunda-feira, 20 de julho
Rui Milbradt renuncia ao mantado

Rui Milbradt

Nesta segunda-feira o Ver. Rui Milbradt renunciou ao mandato. O documento em que a renúncia é apresentada foi lida na Sessão Plenária da Câmara Municipal realizada no mesmo dia. O documento em que a renúncia é apresentada menciona o fato de lhe terem sido feitas acusações de improbidade que foram apresentadas ao Ministério Público que, por sua vez, delas deu conhecimento à Câmara Municipal. Segundo Rui, as denúncias, infundadas, não são o motivo da renúncia que ocorreu para que pudesse se dedicar a suas atividades profissionais.

Quanto às acusações, declarou o ex-parlamentar que nunca agiu de má fé ou com propósito eleitoral por sua empresa ter firmado contrato com empresa que presta serviço ao município. Afirmou que nunca recebeu valores diretamente dos beneficiados pelos serviços e que com eles não tinha vínculo direto, não havendo desvio de finalidade no cumprimento dos contratos. Milbradt esclareceu que sua empresa apenas locou veículos para as prestadoras de serviços contratadas pelo município e que as acusações a ele feitas tinham por objetivo lhe atribuir uma imagem negativa.

Na sessão, o Ver. Carlito Schiefelbein assumiu o mandato, pois havia sido convocado para assumi-lo temporariamente, durante licença concedida ao Ver. Rui Milbradt. Com a renúncia, o Ver. Carlito Schiefelbein cumprirá mantado até o final da legislatura.